A causa do ressonar está no estreitamento das vias aéreas que ocorre durante o sono. Este estreitamento pode ocorrer na cavidade nasal ou na parte anterior da garganta. O ar tem maior dificuldade em atravessa nestas vias estreitas, provocando um ruido na sua passagem. Este efeito pode ser comparado com o de um balão de ar a esvaziar. Os indivíduos que ressonam, muitas vezes não têm a percepção do ruido que produzem. São geralmente as pessoas que vivem com estes indivíduos as principais prejudicadas com o seu problema.

A origem do ressonar

O ressonar tem diversas origens. Algumas são patológicas, incluindo o enfraquecimento do palato ou hipertrofia das amígdalas e adenóides.
Uma simples constipação ou alergia pode provocar o ressonar. O estilo de vida de cada um pode tem um impacto significativo no ressonar. Fumar provoca a continua irritação da garganta, levando ao alargamento do tecido. O mesmo pode ocorrer com a obesidade. O enfraquecimento dos musculos do palate, uvula e lingua também podem provocar o ressonar. Este fenómeno ocorre com o avanço da idade e com a fatiga. A ingestão de alcool e o uso de sedativos também podem ter um efeito negativo nestes músculos. É por isso, muito frequente que indivíduos que nunca ressonaram, de repente comecem a ressonar após a ingestão de álcool.

Como prevenir o ressonar?

Se ressona apenas após a ingestão de álcool, então a solução é bastante simples. Um spray anti-ressonar pode ser bastante eficaz após a ingestão de álcool. Com este tipo de sprays, assegure-se de que este atua no local correcto. É muito frequente aplicar-se o produto na boca, em vez de aplicar na garganta. Desta forma o efeito fica diminuído. Quer ter a certeza que o spray reduz o ressonar? Então escolha um spray com o aplicador especial que pulveriza a substância directamente na garganta.

Quer saber mais sobre sprays anti-ressonar? Por favor clique a aqui.